Look + Campanha contra o câncer de mama.



            Olá meninas. Já divulguei essas fotos no insta então algumas de vocês já devem ter uma noção do que se trata. Eu resolvi por conta própria fazer uma campanha sobre a conscientização do câncer de mama afinal o público alvo do meu blog é mulheres.
            Eu fiquei impressionada com os dados da OMS. 
            O câncer da mama é o tipo de câncer que mais acomete as mulheres em todo o mundo, sendo 1,38 milhões de novos casos e 458 mil mortes pela doença por ano.
             São vários fatores que podem levar as mulheres a ser propensas adquirir a doença. Por isso eu deixarei um site super explicativo sobre os fatores no blog.

             Sintomas
Em geral, o primeiro sinal da doença costuma ser a presença de um nódulo único, não doloroso e endurecido na mama. Outros sintomas, porém, devem ser considerados, como a deformidade e/ou aumento da mama, a retração da pele ou do mamilo, os gânglios axilares aumentados, vermelhidão, edema, dor e a presença de líquido nos mamilos.
            Diagnóstico
A mamografia (raios-X das mamas) é o exame mais indicado para detectar precocemente a presença de nódulos nas mamas. O exame clínico e outros exames de imagem e laboratoriais também auxiliam a estabelecer o diagnóstico de certeza.
Apesar de a maioria dos nódulos de mama ter características benignas, para afastar qualquer erro de diagnóstico, deve ser solicitada uma biópsia para definir se a lesão é maligna ou não e seu estadiamento (análise das características e da extensão do tumor).
            Tratamento
As formas de tratamento variam conforme o tipo e o estadiamento do câncer. Os mais indicados são: quimioterapia (uso de medicamentos para matar as células malignas), radioterapia (radiação), hormonoterapia (medicação que bloqueia a ação dos hormônios femininos) e cirurgia, que pode incluir a remoção do tumor ou mastectomia (retirada completa da mama).
O tratamento pode, ainda, incluir a combinação de dois ou mais recursos terapêuticos.
          Recomendações
* Faça o autoexame das mamas mensalmente, de preferência no 7º ou 8º dias após o início da menstruação, se você é mulher e tem mais de 20 anos, pois cerca de 90% dos tumores  são detectados pela própria paciente;
* Procure o médico para submeter-se ao exame das mamas a cada 2 ou 3 anos, se está entre 20 e 40 anos; acima dos 40 anos, realize o exame anualmente;
* Não se esqueça de que a mamografia deve ser realizada todos os anos;
* Atenção: embora menos comum, o câncer de mama também pode atingir os homens. Portanto, especialmente depois dos 50 anos, eles não podem desconsiderar sinais da doença como nódulo não doloroso abaixo da aréola, retração de tecidos, ulceração e presença de líquido nos mamilos.

    O que me sensibilizou a fazer essa "campanha" foi o livro da blogueira Flávia que ao descobrir que tinha câncer de mama criou uma fanpage "Quimioterapia e Beleza", conseguiu diversos seguidores e através disso ajuda muitas mulheres que passam pela mesma coisa. Eu admiro essa força de conseguir superar algo tão delicado. Hoje em dia metade da população do sexo feminino passou a ser mais vaidosa porque o consumo aumento,sendo assim,ao descobrir que tem uma doença como essa é realmente complicado.Vale ressaltar que a Flávia era modelo*
    Agora,razoavelmente sabendo de tudo vamos lutar juntas,vencendo a cada dia.
    A lojas de roupa como a Hering que ajuda muita,então se você gostou do logo adquira já a sua e junta-se a mim.





  Espero que vocês tenham curtido o post,1 beijo











2 comentários:

  1. ¡Muy buen post! Me ha gustado mucho :):) BEAUTIFUL :) http://outsidefashioncatwalk.blogspot.com.es/

    ResponderExcluir
  2. Thanks Lía. I love your blogger too. *-**-*

    ResponderExcluir